29 de janeiro de 2019

7 dicas para modelar negócios inovadores

7 dicas para modelar negócios inovadores
Ter o próprio negócio é o sonho de muita gente. Mas o caminho para conseguir realizar esse desejo não é fácil, principalmente, em um mundo onde o mercado bastante competitivo e, cada vez mais, democrático, espera sempre a chegada de negócios inovadores. Abrir uma startup que seja atraente para o público e os investidores é desafiador!
Então, a ideia (você vai ver muito essa palavra por aqui!) é te dar dicas de como você pode trilhar esse caminho, pensar em possibilidades para negócios inovadores e conseguir, enfim, empreender com sucesso, lucratividade, aceitação e, claro, inovação. Vamos lá?!

Invista tempo

Muitas vezes, a vontade de abrir um negócio não é proporcional à grana que você tem para investir. Isso é super comum – aqui você pode aprender mais sobre como dar o pontapé inicial – e não deve desanimar!
Porém, é preciso entender que o tempo que você vai dedicar à futura empresa pode dizer muito mais do que o investimento inicial. Tempo para empreender é sinônimo de pensar, refletir, ponderar e chegar ao modelo de negócio ideal.

Comece pelo simples

Simplicidade é a ausência de complicação. Nada mais didático. Opte por ideias que te levem a soluções simples. Começar a tocar qualquer negócio vai exigir muito de você, os problemas virão naturalmente, você não precisa criar mais.
Ideias para negócios inovadores não precisam ser ideias mirabolantes: elas precisam atender às necessidades das pessoas que serão consumidoras do seu produto ou serviço. O teste da vida real é infalível!

Pense em nichos não (ou pouco) explorados

Observe a realidade ao redor da sua casa, do seu trabalho, do seu bairro e assim, sucessivamente. São as lacunas na vida das pessoas que precisam ser preenchidas por negócios que tenham, além de viabilidade, utilidade.
Esqueça um pouco o que todo mundo elogia, aquele negócio que você admira e pense nas faltas: no que você, seu vizinho, o colega da firma buscam quando precisam consumir. Esse é um ótimo primeiro passo para o sucesso.

Corra atrás de parceiros

Para colocar a ideia em prática você, provavelmente, vai precisar de parceiros. Sejam eles operacionais, gestores ou futuros sócios. Além disso, no mundo das startups, o investimento é algo super importante. Vá atrás de contatos!
Com o boom do mercado de capital de risco no país, existe uma série de investidores que podem gostar da sua ideia e querer colocar um gás a mais no seu negócio, por isso, é preciso entender o perfil e o porte da sua empresa.

Tenha presença online

O mercado se reinventou e não ter uma presença online hoje em dia é uma forma de colocar a credibilidade do seu negócio em xeque! Vale o clichê: todo mundo está na internet. Por que o seu negócio ficará de fora?
Ter presença virtual é muito mais que estar na internet é construir uma rede de relacionamentos, clientes e admiradores – por que não? – da sua empresa. E quem sabe a sua ideia não se mantém apenas virtualmente? Pense nisso!

Pergunte o que pensam sobre a sua ideia

Para alavancar um negócio inovador você vai precisar entender o que as pessoas pensam dele. Por quê? Porque é essencial saber se a sua ideia é boa. E ser boa não é agradar a você, é atender ao público.

Ouça familiares, amigos, colegas de trabalho, namorado, esposa… Ouça! Faça uma pesquisa de mercado e se interesse pelo que as pessoas têm a dizer. O motivo é simples: o negócio será feito para elas.

Busque referências

Para ter ideias de negócios inovadores ou para qualquer outra coisa que você pense em fazer na vida, é preciso ir atrás de referências. E isso não são apenas estímulos relacionados ao seu trabalho, à gestão, ou empreendedorismo.

Referência é tudo aquilo que te abre para o novo, para aprender o que você ainda não sabe, para conhecer o diferente. Leia livros, assista filmes, vá ao teatro, exposições, escute música, tenha lazer. Sua mente e criatividade agradecem!

Negócios inovadores: entenda como funcionam as startups

De maneira simples, uma startup é uma empresa que busca desenvolver produtos ou serviços com base tecnológica, que sejam escaláveis e capazes de ter um grande número de clientes e gerar valor. É isso que o mercado dos negócios inovadores busca.
Os investidores – e você, antes de tudo -, precisam enxergar que aquele negócio transforma trabalho em dinheiro, pode crescer sem que isso altere o modelo de negócio e que seu produto/serviço seja sempre entregável, mesmo em uma possível em uma escala de permanente crescimento.

Agora que você já conhece as dicas para modelar negócios inovadores, que tal se instigar ainda mais, planejar e colocar em prática?! Se quiser continuar sabendo tudo sobre o universo das startups, fique ligado no conteúdo do nosso blog e, claro, siga a gente nas redes sociais!

29 de janeiro de 2019